domingo, 25 de maio de 2014

Tua Sombra

Tua sombra não me assusta mais, ainda que eu sinta os teus lábios quando beijo outro alguém, e sinta tuas mãos, e o teu cheiro exalando no ar.
Ainda que os veículos passem por mim, e meus passos se apressem iludidos, ainda que a luz pareça uma esperança, e a escuridão seja um sonho longínquo que eu não posso alcançar.
Já não espero no crepúsculo qualquer sinal divino que diga que estou na direção errada.
Não espero que meu coração serene a angustia, nem me cubro de esperança quando acalento meus desejos carnais, porque nada, absolutamente nada se compara a você.
Mas eu não posso viver o passado e querer desafogar a mágoa que sinto. Não posso ficar olhando para trás se quiser caminhar para frente.
Se não há presente, não há futuro, e se meu futuro não for contigo, provavelmente será com alguém bem diferente de ti.
Alguém que apagará tuas mãos, teu cheiro, teu sorriso, teu olhos, teu beijo...tua imagem de mim.





Este texto foi publicado no Boteco de Blogueiros

3 comentários:

  1. "Não posso ficar olhando para trás se quiser caminhar para frente."
    esse texto se encaixou um bocado no momento que to vivendo, a gente tem que levantar o pé e chutar pra frente se quiser dar o primeiro passo, depois dele o resto vem seguido, o mais difícil é parar de olhar pra trás.
    http://www.novaperspectiva.com/

    ResponderExcluir
  2. E foi um prazer ter te recebido lá.
    Com certeza outros textos teus serão publicados.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. O sentimento que suaviza-se terno pelo colo, respira e exala. É bonito o que o amor afeta. Reflexões sobre as marcas que ficam e nos direcionam. Belo é o doce que permanece, o amargo que fricciona os passos. Somos vetores de uma sombra que impulsiona as batidas do coração. Lindo!

    Beijo!

    ResponderExcluir

Olá queridos! Não se esqueçam de deixar o link do seu blog para que eu posso lhe visitar também!
Obrigada por acessar o Identidade Aleatória!