segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Tic

Pisquei quase em câmera lenta, porque senti que a imensidão a minha volta havia congelado, enquanto meu coração anunciava rapidamente uma explosão. 
Quem é que respira quando o tempo para?


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá queridos! Não se esqueçam de deixar o link do seu blog para que eu posso lhe visitar também!
Obrigada por acessar o Identidade Aleatória!